Garra do Diabo Herbarium

Harpagophytum procumbens 200 mg
45 comprimidos revestidos

 

GARRA DO DIABO – Harpagophytum procumbens 200 mg. INDICAÇÕES: Tratamento de doenças reumáticas e desordens degenerativas do sistema locomotor, como artrite e artrose, e tratamento de dor lombar baixa. CONTRAINDICAÇÕES: Gravidez, lactação, crianças e em pacientes com úlcera estomacal ou duodenal e gastrite. Hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula. ADVERTÊNCIAS: Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico. INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS: A garra do diabo pode interagir com drogas utilizadas para o tratamento de desordens cardíacas, como drogas antiarrítmicas e com terapia hipotensiva/hipertensiva. REAÇÕES ADVERSAS: Dores de cabeça, zumbidos, perda de apetite e do paladar. Distúrbios gastrointestinais podem ocorrer em pessoas sensíveis. POSOLOGIA: Ingerir 1 comprimido, duas a três vezes ao dia. Em pacientes idosos deve-se administrar a metade da dose ou ¾ da dose recomendada para adultos. Tratamentos prolongados devem ter acompanhamento médico. MS: 1.1860.0035.

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.

Harpagophytum procumbens | Seu nome provém do aspecto do fruto ramoso e lenhoso provido de barbas semelhantes a garras. A planta era comumente usada pelos nativos africanos, na forma de infusão, em doenças reumáticas e em outras patologias. Embora fosse de conhecimento botânico desde o século XIX, foi somente após a 1ª Guerra Mundial inicialmente na Alemanha que foram desenvolvidos estudos sobre suas propriedades farmacológicas. A garra do diabo desenvolve-se em áreas relativamente limitadas da África, especialmente no deserto do Kalihari e nas estepes da Namíbia.1,2

Referências:
1 – Kathe W, Barsch F, Honnef S. Trade in Devil’s Claw (Harpagophytum procumbens) in Germany – Status, Trends and Certification. The Food and Agriculture Organisation of the United Nations. 2003.
2 – Introdução à fitoterapia: utilizando adequadamente as plantas medicinais. Colombo: Herbarium Lab. Bot. Ltda, 2008.