Vitamina D no inverno: como manter os níveis adequados durante a temporada mais fria do ano?

Compartilhe este conteúdo

Responsável por desempenhar diversas funções vitais no organismo humano em todas as fases da vida, a vitamina D atua, principalmente, na absorção de cálcio e fósforo, substâncias fundamentais para o crescimento e fortalecimento dos ossos. Além dos benefícios relacionados à saúde dos ossos e músculos, há estudos¹ que comprovam outros benefícios importantes como o regulamento do sistema imunológico; a redução do risco de doenças crônicas; a melhora de doenças autoimunes e ainda a prevenção de complicações gestacionais.

A exposição solar é uma das principais fontes para obtenção da vitamina D no organismo e é responsável por cerca de 80% a 90% da manutenção dos níveis diários adequados à saúde. Mas, com a chegada do inverno, a estação mais fria do ano, os dias escurecem mais cedo em função da menor incidência de raios solares, principalmente, nas regiões sul e sudeste, prejudicando a síntese orgânica do nutriente. Somado a isso, as pessoas tendem a sair menos de casa, preferindo ficar em ambientes fechados e mais quentes, por isso, é importante redobrar a atenção com os níveis de vitamina D para evitar a deficiência nessa época.

Outra opção para a obtenção da vitamina D é por meio da alimentação saudável com a ingestão de peixes, especialmente o salmão, sardinha e atum, fígado, gema de ovo, queijo, leite e seus derivados, carne vermelha, entre outros. Mas, em alguns casos é necessário recorrer a suplementação. “A vitamina D suplementar é essencial, principalmente, durante os meses de inverno em que o contato com o sol é reduzido. A boa notícia é que agora existe no mercado a vitamina D em spray, que oferece comodidade ao paciente por ser consumida de forma prática e eficaz, além de poder ter a dose adequada para qualquer idade, inclusive para a fase gestacional”, afirma Dra. Camilla Rachid, Consultora médica científica da Herbarium.

“Outro diferencial da vitamina D em spray é que, diferentemente da formulação prescrita em cápsulas ou comprimidos via oral, o Simpli-D, da Herbarium, não necessita ser acompanhado por nenhuma refeição e a sua absorção é maior quando comparado com administração via oral comum”, reforça a especialista.

De acordo com a médica, a deficiência dessa vitamina precisa ser levada a sério pois, a longo prazo, pode ocasionar o desenvolvimento de doenças, principalmente, as crônico-degenerativas, autoimunes, cardiovasculares, ósseas e até mesmo o câncer. “Em crianças, a carência de vitamina D é uma das causas de raquitismo, por exemplo. Já em idosos, essa vitamina está associada a osteoporose e risco de fraturas. É essencial manter a prática de hábitos saudáveis, além da boa alimentação, que tem um papel fundamental na prevenção e no tratamento de doenças”, conclui Dra. Camilla Rachid.

Sugestão de produto:

Simpli-D é a primeira vitamina D em Spray do Brasil. Um suplemento alimentar de vitamina D, nutriente fundamental para o bom funcionamento de diversos sistemas do organismo, comercializada pela Herbarium, líder e referência no segmento de fitoterápicos no Brasil. Sua exclusiva formulação em spray, disponível nas apresentações 1.000UI e 2.000UI por jato. Os produtos Herbarium podem ser adquiridos nas farmácias ou no e-commerce da marca (https://loja.herbarium.com.br/pt).

Compartilhe este conteúdo