Equilibre o seu dia

Conheça os 5 alimentos vilões da TPM e como substituí-los

Compartilhe este conteúdo

Dores de cabeça, inchaço, irritação, cólicas… A maioria das mulheres sofre com pelo menos um sintoma da TPM. As oscilações dos hormônios estrogênio e progesterona durante o ciclo menstrual afetam o corpo e a mente feminina, muitas vezes trazendo dor e desconforto. E o que os alimentos tem a ver com TPM?

A alimentação tem um papel importante, podendo piorar ou aliviar os sintomas tão incômodos da TPM. Por isso, nesse período, a mulher precisa ter atenção redobrada em relação à dieta. Para facilitar, separamos 5 alimentos vilões da TPM e como substituí-los na dieta para que você se sinta ainda melhor. Confira!

1. Café e chás cafeinados

Os alimentos e bebidas ricos em cafeína, se consumidos em excesso durante a TPM, aumentam a produção do hormônio causador do estresse, piorando sintomas como irritabilidade, ansiedade e oscilações de humor. Eles também podem deixar as mamas mais sensíveis.

O ideal é trocar o cafezinho diário por chás sem cafeína, como o de camomila e de gengibre, que ajudam a aliviar náuseas, cólicas e tensões causadoras de irritabilidade. Beber leite e derivados também pode ser uma boa opção devido à presença de cálcio e magnésio. Esse último está ligado a uma redução da retenção de líquidos e alívio das dores da TPM.

2. Açúcar e refinados

Que açúcar em excesso faz mal, todo mundo já sabe. Mas durante a TPM, ele pode piorar (e muito) os sintomas psíquicos causados pelo desequilíbrio hormonal. 

O consumo de açúcar ou alimentos refinados provoca um pico na liberação de insulina, hormônio que leva a glicose para as células. Com isso, o transporte é feito de maneira muito rápida, logo ocasionando na situação oposta, que é a falta de açúcar no cérebro.

Esse efeito piora o humor, a irritabilidade e a dor de cabeça da TPM, além de aumentar a vontade de consumir doces, prejudicando a dieta e o bem-estar. Para evitar que isso aconteça, você deve substituir o açúcar refinado pelas frutas e alimentos integrais, que são digeridos mais lentamente, proporcionando assim uma distribuição equilibrada de glicose entre as refeições.

3. Sódio

Se você sofre com inchaços durante a TPM, saiba que o sódio pode piorar a situação. Tanto o sal de cozinha quanto o sódio presente em alimentos industrializados, como embutidos, salgadinhos, condimentos, etc., são potencializadores da retenção de líquido. 

Então, para aliviar o inchaço e o acúmulo de líquido na TPM, aumente o consumo de frutas diuréticas, como abacaxi, framboesa, figo e abacate. Essa última ainda ajuda a reduzir a sensibilidade dos seios, por ser rica em vitamina E.

4. Gorduras ruins

Outro vilão alimentar que não é novidade, mas pode aumentar os sintomas e o desconforto da mulher na TPM, são as gorduras ruins. Frituras, carnes gordas e outros alimentos gordurosos aumentam a inflamação no organismo, e dessa forma pode agravar as cólicas, acne, dor de cabeça e alterações no humor.

Por essa razão, no período pré-menstrual, substitua as fontes de gorduras ruins pelas boas. Os peixes de água fria são excelentes fontes de ômega-3, ácido graxo com o poder de aliviar sintomas como ansiedade, inchaço, dor de cabeça e sensibilidade das mamas.

O salmão e a sardinha ainda são ricos em vitamina D, nutriente que ajuda o corpo a absorver o cálcio e reduz as cólicas.

5. Bebida alcoólica

Se o abuso de bebida alcoólica já é ruim para o corpo, ele se torna ainda pior durante a TPM. A desidratação causada pelo álcool faz com que o corpo perca vitaminas e minerais essenciais para o alívio dos sintomas da Tensão Pré-Menstrual. 

Essa bebida ainda contém açúcar em sua composição, causando o efeito hipoglicêmico que mencionamos anteriormente. Tudo isso faz com que o álcool piore ainda mais as dores de cabeça, as alterações de humor e o cansaço.

O ideal é que, ao se aproximar dos dias de TPM, a mulher reduza o consumo de álcool e aumente a ingestão de água, sucos e frutas, de forma a manter-se hidratada durante o período.

Você sobre com sintomas frequentes da TPM? Eles atrapalham a sua qualidade de vida? Saiba que você pode (e deve) buscar ajuda! Por isso, nós da Herbarium criamos a Campanha Tudo Pode Mudar – Inclusive a TPM, com o objetivo de incentivar as mulheres a se tornarem protagonistas de suas atitudes, em prol de seu bem-estar físico e mental, da autoestima e autonomia.

Assista no nosso canal do Youtube os depoimentos de mulheres que, diante de desafios, tomaram a decisão de mudar o que precisava e podia ser mudado e hoje inspiram outras mulheres a tomarem atitudes positivas. 

Tags relacionadas: